07/12/12




                 R: Faço, porque me sinto bem , porque a única coisa que eu tenho de perfeito são vocês, sempre sorri para não chorar pois chorar para mim é dor, se é para chorar prefiro fazê-lo sozinha, prefiro mostrar o meu lado perfeito porque são vocês que o constroem. Parece estranho e ao mesmo tempo impossível mas é verdade são vocês que me fazem sorrir, basta a vossa presença em vez de mencionarem alguma palavra. Quero que vocês se sintam bem, quando estão comigo pois eu sinto me quando estou com vocês. 
Quanto a ti quero que fales comigo como sempre falaste e eu vou ouvir-te sempre.
Também não sei como nem quando nem o porquê, ou talvez saiba. Talvez o tempo, o stress, os problemas. Não te culpes por coisas que tem a mão de todos. Que fique esclarecido que eu não me arrependo de um único segundo que "desperdicei" contigo, com elas. Quanto ao que dises-te , interpretei como deste a entender, boas amizades a distância não destrói, e eu só te quis dizer, respondendo ao que percebi da tua afirmação , que á amizades que se conseguem manter por mais distantes que sejam.
Eu sei que o futuro é mudanças e eu espero estar preparada para as enfrentar, mas não estou, ninguém está, elas são imprevisíveis, e por isso devemos agarrar " com unhas e dentes " o que temos. Eu tentei agarrei com todas as minhas forças, mas eu cansei-me , fiquei de rastos. Tudo o aquilo que eu mal ou bem tinha ajudado a construir estava a desmoronar-se , a fugir me por entre os dedos. (...) Vira mos estranhos , ou então algo perto disso, como achas que eu iria reagir a isto ?? Agia como se tudo estivesse perfeito ? Não, ou talvez sim , talvez afastar-me também seja a solução , foi o que fiz, pensei que talvez vocês de sentissem, que isto vos tocasse mas, até hoje isso não aconteceu. E sim depois de saíres do teatro, para mim foi a gota de água, disse para mim mesma , chega! , e queres que seja sincera ? Foi um alivio ter gritado isso para mim. Saís-te por razoes tuas, que talvez só a ti te digam respeito, e eu entendo, revoltei me ao inicio mas agora percebo, e queres saber , hoje penso que deveria ter feito o mesmo, ia fazer-me bem , acho. Arrependemos-nos e nunca é tarde para remediar.
Aprendi uma coisa durante estes anos, que até agora desconhecia: Certas coisas acontecem, para dar lugar a outras coisas, para nos mostrar que existe mais para além do que vemos, para além do que sentimos. Se temos a certeza de uma coisa devemos de lutar por ela, se não temos a certeza devemos de nos esclarecer, se for sim, lutamos , se for não, ao teu lado está outra porta , com novas escolhas, com novos objectivos, com novos planos, novos motivos. Acho que abriste essa porta, agora é só descobrires o que está além daquilo que os teus olhos vêm, e viveres , sem desculpas e sem arrependimentos. Há sempre volta a dar.Agora eu: Não te desculpo, passei a odiar desculpas , aconselho a quem me as pede que evite numa próxima vez. Nunca é tarde para se recuperar amizades. Aliás, para manter. Se é o que queremos devemos de lutar. (...) 
Ouvi te e acabas te tu por me ouvir. Há coisas que não mudam. 
Espero que estejas bem , bjs

Sem comentários:

Enviar um comentário